FecharX

Boa notícia: animais ameaçados de extinção nascem no Zoológico de BH

Zoo é o único de Minas Gerais que tem obrigação legal de conservar espécies



Créditos da imagem: VasekM/shutterstock
Main destaqe vasekm
Redação
29/09 às 09:52
Atualizado em 29/09 às 09:52

Fechado para visitação desde março por conta das medidas de restrição, e ainda sem data de reabertura, os bichinhos do Zoológico de BH seguem sendo bem cuidados, e o espaço até ganhou novos moradores.

No período da pandemia, dois filhotes nasceram no Zoo: a arara-azul-grande e o macaco-barrigudo, espécies hoje em extinção no país. Os animais fazem parte da lista vermelha da União Internacional para Conservação da Natureza.

Em parceira com o Núcleo de Pesquisa e Conservação de Cervídeos da Universidade Estadual Paulista (Unesp), chegou também outro morador, um cervo-do-Pantanal. Além disso, um trabalho de conservação integrada com o Zoológico de São Paulo trouxe mais duas espécies ameaçadas de extinção para BH: um mico-leão-de-cara-dourada e um mico-leão-preto.

 

Conservação de espécies

O Zoológico de Belo Horizonte é o único de Minas Gerais que tem a obrigação legal de conservar espécies. De acordo com a superintendência mineira do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama/MG), o espaço precisa desenvolver programas de pesquisa para esse fim, e ainda, somente ele é classificado na categoria A, que apresenta as exigências mais rigorosas do país.

Tags:
  • sou bh
  • zoológico bh
  • conservação de espécies
  • nascimento
  • animais
  • espécies em extinção
Comentários

Comentários